Montagem de Móveis Corporativos e Residenciais em diversas cidades do Brasil
Orçamento montador de móveis POM
 

12/11/2013

Profissional Liberal: Montador autônomo precisa saber organizar sua vida financeira

O mercado da montagem de móveis possui sazonalidades, o montador de móveis autônomo precisa poupar nos bons meses para garantir estabilidade financeira nos meses ruins

Portal do Montador de Móveis
Em um post anterior citamos a questão da demanda por montagem no decorrer dos meses do ano, sabendo que existem meses muito bons como o atual dezembro e também meses muito fracos como o provável fevereiro à caminho.

Durante o final do ano, o próprio clima do natal faz com que sejamos menos comedidos em nossos gastos. Existem os presentes, as festas e confraternizações e também a famosa realização de desejos postergados durante o ano todo.

Para os profissionais liberais em geral, grupo do qual o montador de móveis autônomo faz parte, este período reserva grandes armadilhas aos desatentos. Em momentos de euforia, pode-se esquecer de contas como IPVA, IPTU, material escolar e alguns outros itens que se concentram logo no início do novo ano e pesam em nosso bolso.

O profissional liberal não possui um planejamento orçamentário de entradas constantes, características de quem recebe um salário. Mesmo assim pode possuir gastos repetitivos que precisam ser cobertos mensalmente.

A armadilha à qual nos referimos encontra-se exatamente nesta questão, ainda mais porque no caso de uma doença como uma forte gripe que impossibilite alguns dias de trabalho, a falta de uma reserva para este tipo de imprevisto  pode destruir o resultado de todo um mês de planejamento.

O objetivo desta mensagem é bastante simples. Precisamos dizer aos montadores de móveis do Brasil que ainda é tempo de preparar-se para as eventualidades de 2014. A sugestão é bastante simples e fácil de ser colocada em prática.

Embora a tentação pelo consumo nesta época seja extremamente grande, segue o desafio. Separar 30% de todo o resultado obtido neste mês de dezembro e direcioná-lo para uma conta poupança que será utilizada no decorrer de 2014 nas eventualidades que provavelmente acontecerão. Podemos evitar momentos de perda da auto estima e de desânimo com a profissão nas horas difíceis, mas isto exige planejamento e ação anterior, sendo agora o momento ideal para tanto.

Se você estava pensando em realizar um dos sonhos de consumo adiados, pense melhor, pode ser que em janeiro consiga realizar um negócio melhor ainda ou até mesmo que o desejo deste consumo passe.

O que podemos dizer é que, aqueles montadores raros que conseguirem fazer um pé-de-meia que garanta o sustento de um mês de 2014 ainda dentro deste ano, estes começarão um ano novo repleto de alívio, com muita tranquilidade para enfrentar a luta do ano novo que se inicia.

Então, comece agora, faça o possível para entrar no grupo dos seletos montadores de móveis que conseguirão formar uma reservinha financeira de emergência. Tenha atitude e reflita sobre o assunto, conselho bom e gratuito anda difícil nos tempos atuais. Sorte, saúde e sucesso!

0 comentários:

Postar um comentário