Montagem de Móveis Corporativos e Residenciais em diversas cidades do Brasil
Orçamento montador de móveis POM
 

3/17/2016

As grandes diferenças entre o montador autônomo e o montador empreendedor

Montador de móveis autônomo, pouco demais para um Empreendedor

Montador de Móveis empreendedor POM

Então uma grande mudança aconteceu em sua vida. A carteira de trabalho não existe mais. Afinal de contas isso é bom ou ruim? Veremos que a pergunta não é absolutamente algo do tipo tudo ou nada. Na verdade ela traz consigo os perigos e oportunidades de uma vida totalmente diferente daquela que leva um montador de móveis funcionário com carteira assinada.

Dizem que em tempos difíceis o melhor é ficar quietinho em seu mundinho, quanto menos notado melhor. Particularmente no Portal do Montador não seguimos por este caminho, o montador de móveis que emplacou na profissão como autônomo sabe que  possui diversas outras tarefas além da montagem. Correr atrás da gráfica para fazer cartão, gastar uma grande parte de seu tempo fazendo orçamentos, investir em ferramentas e por aí vai...

Contudo alguns reclamam que a situação está difícil enquanto que acompanhamos outros trocando de moto e carro justamente em um momento como este, um cenário econômico conturbado. Mas afinal, como estão conseguindo prosperar se existe um mercado retraído?

Então precisamos entrar no tema de interesse coletivo sobre tal diferença. A realidade é que ser um montador empreendedor e algo substancialmente diferente de ser um montador autônomo. Muitos pensam que por não possuirem patrão, estão soltos na rua donos de seu próprio nariz. Pobre ilusão...Por causa disto o MONTADOR EMPREENDEDOR estará executando montagens que não chegam até o montador autônomo, simplesmente as melhores!

O montador de móveis empreendedor sabe que seu cliente do dia a dia é seu patrão. Ele muda de rosto a cada novo atendimento, mas pode estar te DEMITINDO ou CONTRATANDO a cada novo orçamento. O montador de móveis autônomo, vangloriando-se de sua liberdade acredita que DISCIPLINA, COMPORTAMENTO, APRIMORAMENTO CONTÍNUO são conversinhas para boi dormir, o que resolve é chegar lá, montar e pronto acabou!

Sim, o cliente quer a montagem, mas se descobrir um montador de móveis que tem disciplina, atitude, comportamento adequado e igualmente monta os móveis como o outro, a escolha já está feita, inclusive pagando mais. Daí surge o papagaio de pirata, aquele montador que promete mundos e fundos, fala exatamente o que o outro fala (porque só sabe copiar), porém NÃO FAZ NADA do que o outro faz quando o favorecido é o cliente que procura um atendimento profissional.

Ele não cumpre horário, não cuida da aparência, não sabe se comportar como um prestador de de serviços. E o pior, se aparecer uma montagem de maior valor financeiro posterior ao fechamento, ABANDONA o cliente já combinado de maneira ESFOMEADA e sem qualquer ÉTICA ou peso na consciência. Não dá para chamar este prestador de serviços de "profissional", sinto muito, para mim é um mero aventureiro que em breve estará fazendo outra coisa no mercado.

Chegamos portanto nos motivos da grande e crescente aceitação dos montadores credenciados POM no mercado da montagem de móveis espalhada pelo Brasil. O cliente anda farto de tanto amadorismo. Alguns realmente olham só o preço na primeira contratação, mas a decepção é tamanha que já na segunda todos aprendem a lição e acabam adotando o Portal do Montador.

O que podemos dizer é que postagens como esta valem ouro para o montador de móveis que gasta um pouquinho de seu tempo lendo nosso blog, mesmo que nem seja um credenciado, Ele sabe que aqui encontram-se diversas respostas para grandes dúvidas que  acompanham o dia a dia da montagem. Não é tão difícil assim assumir essa postura de profissionalismo e seriedade que defendemos.

Nosso convite está feito. Se você é um montador autônomo cuidado, já passou da hora de assumir um comportamento empreendedor. Quem paga seu salário é sua intensidade de doação naquilo que faz. Então faça sua parte, faça o melhor que acredita ser capaz, em breve estará fazendo montagens que nem sonhava e se destacando no mercado de trabalho como um empreendedor da montagem.

Sucesso à todos os que optaram por trilhar este caminho!

C. Perin




0 comentários:

Postar um comentário