Montagem de Móveis Corporativos e Residenciais em diversas cidades do Brasil
Orçamento montador de móveis POM
 

5/06/2014

Currículo: O Profissional de carteira assinada precisa valorizar seus diferenciais

O Montador de Móveis que deseja fazer o caminho inverso (voltar a ser funcionário) deve preparar seu currículo profissional de maneira atraente

Portal do Montador de Móveis
Não costuma ser um caminho habitual, mas alguns montadores de móveis após certo tempo na rua, vivendo como autônomos, resolvem reingressar no trabalho de carteira assinada.

Para estes que assim desejam, existem alguns procedimentos muito importante a serem observados. Inicialmente, talvez o fator mais importante seja a questão do horário de trabalho. Normalmente as lojas conseguem oferecer um conforto maior neste sentido, visto que não costumam existir jornadas de trabalho noturnas, como é o caso do montador autônomo, que comparece no horário que o cliente deseja.

Outro ponto de interesse é a possibilidade de tirar férias, coisa rara para quem faz o próprio sustento. Mas neste post indicamos algo relativamente bem mais importante que estes dois aspectos citados como atrativos profissionais, falamos do salário e de como ele será negociado.

Neste momento entra em cena algo fundamental. Obviamente que um montador exemplo, com 5 anos de experiência de montagem, provavelmente não aceitaria entrar como montador nível básico no salário inicial, mas para isso é necessário COMPROVAR sua experiência. Algumas lojas fazem o teste da montagem com ordens de serviço (fichas) do dia e depois ligam para o cliente ou mandam um supervisor avaliar o resultado, comprovação na prática.

Porém tudo poderia ser mais simples se o montador tivesse o hábito de fotografar os serviços chave (aqueles mais complicados) e guardar o telefone do cliente, que poderia (o que raramente acontece), ser inclusive consultado para comprovar a experiência deste profissional montador.

Então alguns devem estar se perguntando...Ah, mas currículo para montador de móveis não funciona! Aí é que os senhores se enganam MUITO e a situação é GRAVE. O pessoal do RH, assim como vocês,  sabe muito bem que o que vale é a prática, mas entre dois montadores habilidosos, podem apostar que aquele com um currículo bem elaborado tem 99,99% de chance de ser o escolhido.

Isto porque de certa forma entende-se que ele é melhor preparado no quesito escolar e isto conta  muito, pois teoricamente tal fato vai ajudar preencher as fichas já citadas com maior qualidade, pelo simples fato de entender-se que ele domina melhor a língua portuguesa.

Deixando-os convencidos destes argumentos poderosos chega a hora de elaborar o currículo, mas o que colocar?

Aqui está o grande segredo, precisa atender às necessidades do contratante e tudo conta pontos. Ter carteira de motorista é bom, deve ser informado. Domínio de informática é uma grande vantagem, pois algumas lojas podem mandar as Ordens de Serviço até por e-mail.

O montador precisa deixar bastante claro quais são seus pontos fortes tanto na montagem quanto na parte comportamental. As lojas gostam e valorizam que não pisa na bola na questão do horário, tem que ter confiabilidade.

Outro ponto importante e tão pouco explorado, o zelo pelo material e pelas ferramentas, isto pode ser valorizado em seu currículo, a loja gosta de montador cuidadoso. Continuando com os diferenciais, um montador que declara no currículo que não bebe e não tem vícios, pode ser favorecido em uma seleção de pessoal.

Outro ponto valorizado, o conhecimento da cidade e das imediações, isto facilita demais a distribuição do serviço. Pessoalmente já vi montador ser promovido para supervisor exatamente por conhecer a região e ser capaz distribuir o serviço da equipe de maneira lógica e eficiente, muitas vezes até melhor que o sistema (que muitas vezes não utiliza itinerários de metrô ou linhas de ônibus na montagem dos roteiros).

Durante nossa explanação neste post, o montador de móveis começa a perceber que é obvio que a loja precisa de quem saiba montar bem, mas isso é apenas o começo, alguns dos pontos levantados serão observados na seleção dos que passam para a fase de entrevistas ou nos diretamente escolhidos.

Durante a elaboração de seu currículo, pare para pensar, pois encontrará outros diferenciais além dos que citamos. Claro que nosso desejo é que o montador autônomo continue trilhando um caminho bem sucedido, mas para o caso da vontade ser contrária a isto, ficaram aqui boas dicas de um currículo atraente.

Sucesso a todos!

0 comentários:

Postar um comentário